A média da expectativa de vida dos cães no Brasil é de apenas três anos

Imagem

 

Vida curta

No Brasil a expectativa de vida dos cerca de 30 milhões de cachorros domiciliados é de apenas três anos. E pior, apenas os cães com donos entraram nas pesquisas e os aproximadamente 20 milhões que vivem nas ruas e todos os gatos ficaram de fora das contas. Ou seja, se fosse contabilizado todo o enorme contingente de animais que vagam abandonados à própria sorte, morrendo de doenças diversas, ou vítimas de atropelamentos, envenenamentos e outras maldades que sofrem, a expectativa seria ainda pior. Os dados são da Organização Mundial de Saúde, logo, sérios e preocupantes.

Causas

E não é só a expectativa de vida dos nossos cães que é baixa. Pesquisadores das universidades USP, Metodista, Unip e Unicsul relatam que ”as causas de morte são boa parte das vezes relacionadas à falta de informação, dificuldades econômicas e negligência por parte dos donos”. Doenças infecciosas como cinomose e parvovirose, que poderiam ser facilmente evitadas com vacinas, são responsáveis por 35% das mortes e estão em primeiro lugar no Brasil. Já os tumores, que costumam encabeçar a lista em outros países, aqui caem para o segundo lugar. Nos Estados Unidos, a expectativa dos peludos mais que triplica. É de 10 anos, contra 8,3 anos no Japão e os já citados apenas 3 anos aqui no Brasil.

Em casa

Também com cães e gatos devemos ter preocupações com acidentes domésticos, não só com crianças. Cada vez mais inseridos na rotina familiar dentro das casas, eles acabam ficando em contato mais frequente com perigos que podem causar desde leves intoxicações a óbito. Portanto, deixar inacessíveis medicamentos, alimentos e produtos químicos que possam fazer mal aos peludos é mais do que obrigatório. Um exemplo é o delicioso e aparentemente inocente chocolate, que pode ser fatal por conter teobromina, uma substância presente no cacau. Resíduos de nicotina, sejam cigarros inteiros ou restos em cinzeiros, produtos de beleza e limpeza também podem matá-los e devem permanecer inacessíveis.

Só na guia!

Outra causa nada incomum da morte prematura de cães é o passeio com o animal solto. Não são poucas as pessoas que tiveram a infelicidade de assistir seu melhor amigo ser atropelado, mesmo aqueles super obedientes que “só andavam ao lado” do dono. Cães são seres vivos e reagem a estímulos. Parece óbvio, mas muita gente ignora. Qualquer susto pode levá-los da segurança da calçada para o meio de uma pista cheia de carros. Mais uma vez, devemos nos valer de nossa racionalidade e inteligência para zelar por nossos companheiros peludos, que na sua irracionalidade tantas alegrias, carinho e lealdade nos devotam.

Informações retiradas do blog: http://www.maedecachorro.com.br/

Felizmente essa triste realidade pode mudar! Adotar com responsabilidade, cuidar bem do seu cão é um passo para essa mudança!

Beijos, Cão de Lua

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

CAMILINHA ALVES

O BLOG FEITO PARA A MULHER MODERNA!

Azul Infinito

Escritos de uma autora qualquer.

Stevil

Death Before Sour Mix

Mundo Pet

Amor não possui pedigree!

Patinhas de Anjo - Rio Claro, SP

Caminhando em prol dos animais

Just M maybe

O lugar mais secreto que existe em meu mundo <3

TTOT

Diário Fotográfico <3

Au au au!!!

Um olhar sobre o universo dos cachorros

OiCarolina

The girl of 5th avenue

Adopets

Sua vez de ser um verdadeiro amigo!

Senhorita Teimosa

Quem tem estilo, faz moda.

Depois Dos Quinze

make, comportamento, moda e mais!

%d blogueiros gostam disto: