Atropelamento de cães

Estou brincando com meu cão quando ouço um ruido, então ele começa a ficar mais forte, aquilo não era apenas um ruido e sim de um animal extremamente agonizante, de um animal desesperado, pedindo ajuda, gritando. Vou correndo atrás do latido desesperado, é quando eu avisto um cãozinho no meio da rua jogado no chão e sangrando. Um homem logo em seguida parou e tirou ele do meio da rua e falou que ele logo ia morrer. Fiquei surpresa e ao mesmo tempo muito triste, o bandido que o atropelou fugiu com a culpa de ter tirado uma vida. Há um número exagerado de cães errantes, vagando pelas ruas, ao mesmo tempo em que existem muitos donos que insistem em passear com seus cães, por via pública, sem guia.

Fico pensando na conduta de um ser que atropela um cão e simplesmente foge, o abandona, como se fosse um objeto em seu obstáculo. Será que esse ser vai embora com alguma culpa de ter tirado uma vida? Creio que muitas pessoas não socorrem os animais por falta de orientação sobre como proceder.

♥ Se o animal (no caso cão)não estiver sangrando, ou vomitando, é interessante amordaçá-lo. Isso impedirá que ele morda a quem estiver ajudando-o, comportamento comum para um animal com dor;

 
♥ Havendo sangue, vômito ou secreções na boca , ele não deve ser amordaçado, porque nesse caso poderá aspirar o próprio vômito e morrer asfixiado, tampouco se estiver inconsciente;
 
♥ É importante que o animal tenha as vias aéreas livres para respiração e a boca, assim, não deve estar obstruída;
 
♥ Sempre carregue o animal na posição horizontal, para evitar-lhe a piora do seu estado;
 
♥ As áreas lesadas não devem ser manipuladas;
 
♥ Havendo hemorragia, a região deve ser pressionada para tentar conter o sangramento;
 
♥ Havendo fratura, não tocar na região; se a fratura estiver exposta, é necessário cobri-la para evitar contaminações;
 
♥ Carregue o bichinho no colo ou no banco do carro, na posição horizontal, tentando fazê-lo permanecer aquietado, mas sem imobilizá-lo.
 
♥ Feito isso, o melhor amigo nessa hora, é o médico veterinário. Ele é o profissional a quem se deve entregar o bichinho para receber os melhores cuidados.
 
No meu caso não tinha como socorrer o cãozinho, ele está respirando com muuuita dificuldade e está sangrando, provavelmente ele morreu depois de 5 minutos. E minha mãe infelizmente não me deixou fazer nada : ( Infelizmente esses casos acontecem com muita frequência e muitos dos atropeladores não socorrem o pobre.Fico impressionada de ver que as pessoas passam perto do bichinho morto e nem olham pra ele, como se ele fosse invisível.
 
Imagem 
 
Um beijo, Luiza
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

CAMILINHA ALVES

O BLOG FEITO PARA A MULHER MODERNA!

Azul Infinito

Escritos de uma autora qualquer.

Stevil

Death Before Sour Mix

Mundo Pet

Amor não possui pedigree!

Patinhas de Anjo - Rio Claro, SP

Caminhando em prol dos animais

Just M maybe

O lugar mais secreto que existe em meu mundo <3

TTOT

Diário Fotográfico <3

Au au au!!!

Um olhar sobre o universo dos cachorros

OiCarolina

The girl of 5th avenue

Adopets

Sua vez de ser um verdadeiro amigo!

Senhorita Teimosa

Quem tem estilo, faz moda.

Depois Dos Quinze

make, comportamento, moda e mais!

%d blogueiros gostam disto: